Segunda-feira, 31 de Janeiro de 2011
CARTAZ-PB-final_fev2011.jpg


O frio que se faz sentir neste mês proporciona momentos mais acolhedores em sala. A pensar nisso o "cardápio" deste mês é variado. A começar o mês (fim de semana de 12 e 13) irá acontecer um Workshop de Laboratório Preto e Branco. A proposta é voltar ao analógico e fazer a revelação de um rolo, fazer as provas de contacto e duas/três ampliações de fotografias desse rolo. Este Workshop é limitado a cinco participantes e só começa com o mínimo de três inscrições.
Nos dias 15, 17, 21, 22 e 24 irá decorrer mais uma edição do Curso de Photoshop. A formação decorre em horário pós laboral das 19h30 às 22h30. É necessário ter computador portátil contudo o Photoshop poderá ser instalado no primeiro dia da formação. Provavelmente será a ultima edição até ao Verão (em horário pós laboral)! Relembro que este Curso está limitado a sete vagas.
No fim de semana de 19 e 20 irá decorrer um Workshop de Vídeo, onde será debatidos os princípios básicos da edição de Vídeo utilizando a ferramenta profissional da Adobe - Premier.
Agora uma novidade. No fim de semana de 26 e 27 irá acontecer um Workshop de After Effects. O After Effects é considerado por muitos como o Photoshop de Vídeo. Irá ser orientado pelo realizador André Martins, responsável pelo festival Filminho. Este Workshop será único, isto é, não irá ser repetido daqui a alguns meses ou semanas. Agradeço a potenciais interessados que enviem um mail para fotografia@galitos.pt a demonstrar o interesse. Mais informo que o Workshop só acontecerá com o mínimo de seis pré-inscrições.
Relembro ainda que às Quartas-feiras à noite (das 21h às 23h30) estarei presente na sala da Secção de Fotografia do Galitos. Para além de ser um horário onde podem marcar sessões/aulas particulares é também um espaço aberto para convívio e troca de ideias. Nesse horário estarei também disponível para quem pretender se inscrever em qualquer uma das acções acima referidas.
O Workshop de Lightroom para o mês de Fevereiro já se encontra preenchido. Caso pretenda frequentar esta formação poderá se pré-inscrever e aguardar por um futuro contacto.
Mais informações sobre estas formações na parte inferior no email ou no site do Galitos em http://www.galitos.pt/noticias.aspx?seccao=3&menu=320
Miguel Estima


publicado por amigosdavenida às 16:28 | link do post | comentar | favorito

agueda.JPG


'um olhar diferente e atento sobre o espaço urbano que nos acolhe todos os dias'
Programa Integrado de Regeneração da Cidade de Águeda
http://www.cm-agueda.pt/PageGen.aspx?WMCM_PaginaId=27652¬iciaId=49145&pastaNoticiasReqId=27662


publicado por amigosdavenida às 16:09 | link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 28 de Janeiro de 2011
galen-center_everyday1.jpg

slide05.jpg

fig_street_event-day.jpg


Desafios - What would you do if you had $20 million dollars and were tasked with turning three and a half miles of one of Los Angeles' most iconic streets into the kind of street that encourages people to be outside?

http://gehlarchitects.wordpress.com/2011/01/27/gehl-architects-in-los-angeles/
Dúvidas - Need to park?
http://la.curbed.com/archives/2011/01/need_to_park_on_figueroa_the_citys_got_you_covered.php

Mais informação:
http://la.streetsblog.org/2011/01/25/will-figueroa-street-be-los-angeles-first-truly-complete-street/
http://www.crala.org/


publicado por amigosdavenida às 18:17 | link do post | comentar | favorito

Workshop de Teatro para Adultos (Início a 1 de Fevereiro de 2011)
A expressão dramática pode ser utilizada como um modo de desenvolver as capacidades individuais, sociais e criativas, facilitando assim as relações do indivíduo com o mundo que o rodeia. Através da expressão dramática, o indivíduo toma consciência do corpo, descobre a capacidade de expressão, da gestualidade, desenvolve condições que favorecem novas formas de comunicar, através de códigos verbais e não-verbais, e a aprendizagem da teatralidade.
Mais informações: http://start-teatro.blogspot.com


publicado por amigosdavenida às 18:16 | link do post | comentar | favorito

2.jpg


“Melodias de Aveiro”, é um espectáculo de reencontro com as origens e com a nossa história da cidade de Aveiro, de um povo culturalmente activo e participativo, numa interdisciplinaridade de estilos criativos.

A partilha de novos saberes musicais e culturais é a razão de ser desta nova actividade, de performance e interactividade associativa, com a sustentabilidade de todos os agentes culturais do Concelho de Aveiro.

Este projecto musical e cultural nasce da responsabilidade interdisciplinar do serviço associativo do ta.teatro aveirense -Aveiro, numa proximidade de valorização e desenvolvimento cultural, manifestando a possibilidade a todas as Associações Culturais, de interagir com novas experiências em palco, dando a conhecer as diversas modalidades culturais e activando todo o tecido cultural.

http://www.teatroaveirense.pt/


publicado por amigosdavenida às 09:52 | link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 26 de Janeiro de 2011
ESTUDO SOBRE O FUTURO DA AV. LOURENÇO PEIXINHO ESTÁ "A PARTIR DO ZERO".
http://www.terranova.pt/index.php?idNoticia=7546


publicado por amigosdavenida às 14:24 | link do post | comentar | favorito

Plantaraveiro.jpg

1


“Plantar Aveiro” vai participar nos trabalhos de Recuperação Ecológica levados a cabo pelo Núcleo de Aveiro da Quercus, na Freguesia de Belazaima do Chão, Concelho de Águeda ( Cabeço Santo), no próximo dia 05 de Fevereiro.
Realizar-se-ão jornadas se houver pelo menos 2 voluntários inscritos até à Quinta-feira (03FEV) à noite anterior ao Sábado previsto (05FEV).

Apoio aos Voluntários:

Alimentação oferecida pela organização (Vegetariana)

Datas, inscrições:

Inscrição: Até 03 Fevereiro à noite

Jornada: 05 Fevereiro

Ponto de encontro: A informar

Hora de saída: De Aveiro às 08.00 h

A inscrição é obrigatória e deverá ser feita para o email:

plantaraveiro@gmail.com

informando se precisa ou disponibiliza lugares de transporte e nº de telefone para contacto.

Para mais esclarecimentos, pode contactar o 91 813 78 79


publicado por amigosdavenida às 13:57 | link do post | comentar | favorito

"Melodias de Aveiro", é um espectáculo de reenconto com as origens e com a nossa hist´ria da cidade de Aveiro, de um povo culturalmente activo e participativo, numa interdisciplinaridade de estilos criativos, partilhando assim novos saberes musicais e culturais, esta é a razão de ser desta nova actividade, sujeito a uma performance e interactividade associativa, com a sustentabilidade de todos os agentes culturais do Concelho de Aveiro.
Este projecto musical e cultural, nasce da responsabilidade interdisciplinar do serviço associativo do ta. teatro aveirense - Aveiro, numa proximidade de valorização e desenvolvimento cultural, manifestando a possibilidade a todas as Associações Culturais, de interagir com novas experiências em palco, dando a conhecer as diversas modalidades culturais, activando todo o tecido cultural, numa envolvência de partilha e interactividade associativa a intervir nos diversos espetáculos.
serviços associativos
ta. teatro aveirense
Câmara Municipal de  Aveiro

http://www.teatroaveirense.pt



publicado por amigosdavenida às 13:45 |
editado por JCM às 13:54link do post | comentar | favorito

logo_tsf.jpg


[As nossas] Ruas, bairros, vilas, cidades nos Sinais de Fernando Alves [TSF]
(http://www.tsf.pt/programas/programa.aspx?content_id=903681)

Cidades pela Retoma
http://noeconomicrecoverywithoutcities.blogs.sapo.pt/
http://www.facebook.com/CidadespelaRetoma


publicado por amigosdavenida às 13:24 | link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 25 de Janeiro de 2011

Já nos estamos a aproximar do limite dos 5.000 amigos no FB.

Convidamo-los a aderir à nova página dos Amigosd'Avenida (http://www.facebook.com/AmigosdAvenida.Aveiro).



publicado por amigosdavenida às 13:51 | link do post | comentar | favorito

[publicado no Diário de Aveiro 24 JAN]

 

'Por diversos motivos, desloco-me por vezes a Aveiro, vindo do Porto.

Há tempos, li uma reportagem no jornal Público sobre o bairro do Alboi. Julgava não conhecer o local mas pela descrição feita depreendi que já tinha andado por lá perto, em deambulações a pé, meu modo preferido de me deslocar quando possível.

Falava-se da revolta dos moradores desse local perante um projeto de «requalificação». Eis uma palavra que me suscita as maiores reticências, de tal modo tem sido utilizada, desde há 15 anos sobretudo, para justificar por vezes intervenções desnecessárias e caras, abates indiscriminados de árvores, destruição de elementos urbanos valiosos e sua substituição por outros duvidosos, descaraterização de traços identitários da paisagem urbana.

Teriam os moradores razão na sua revolta?

Se fosse algo do género, certamente eu estaria de acordo com eles.

O enquadramento da intervenção que motivava o seu protesto num projeto designado de «sustentabilidade» foi outra coisa que me alertou.

A verdadeira «sustentabilidade» (ambiental, ecológica, social, económica, financeira) não só merece todo o apoio como é uma necessidade imperiosa.

Mas tal como com a palavra «requalificação», apercebi-me desde há uns anos que o termo é hoje utilizado com frequência para designar o exato oposto. É a famosa «novilíngua» (Georges Orwell) em que os termos são aplicados de modo a, passando por verdadeiros, mentir e falsear, neste caso fazendo aparentemente passar por obra meritória o que seria a sua exata negação.

Fiquei curioso. Quando fosse a Aveiro, iria querer saber onde é o Alboi e tentar perceber as razões dos moradores.

Deambulava vindo da Universidade e ladeava um quarteirão por onde já várias vezes antes tinha passado, quando, quase inadvertidamente, reparei que uma janela ostentava um humilde cartaz impresso a preto onde sobressaía a palavra «Alboi».

Entrei no bairro (que afinal conhecia mas apenas na periferia) e logo a seguir no jardim interior, ponto central e o mais afetado pela intervenção prevista e a que se opõem muitos dos moradores.

Em Aveiro, como na generalidade do país, há alguns bairros de construção «moderna» confrangedora onde uma real requalificação faria algum ou mesmo muito sentido. Mas entrar naquele bairro, modesto, gracioso mesmo sem possuir nenhuma obra «grandiosa», naquele jardim simples, sem pretensões, mas correto, agradável, acolhedor, é entrar numa dimensão de paz, de tranquilidade, de silêncio!, de oásis (apesar de Aveiro ser uma cidade de dimensão e trepidação suportáveis), que transporta o morador ou o visitante ocasional para outra dimensão.

De imediato era percetível que um espaço daqueles, a manter e a preservar com eventuais melhoramentos de pormenor muito cuidadosos, deveria no mais ser intocável. Numa era de degradação contínua da qualidade de vida em meio urbano, aquela joia ali quedada quase por milagre deveria merecer o espanto e o respeito de quem quer que sinta verdadeiramente o que é a alma de uma cidade ou de um quarteirão urbano.

Interroguei-me: como é que autarcas, técnicos, projetistas, urbanistas, podem conceber uma intervenção como a prevista sem «temor e tremor», sem um pouco ao menos de vergonha? Por mais que haja quem não queira ver que existem tendências de época (como em todas as épocas, hoje um grau exponencialmente acima talvez) que representam uma ruína do pensamento, é preciso que haja quem afirme e aponte essa ruína (que amigos sugeriram ser também da «alma») para que os seus autores não possam dentro de duas décadas (quando se oficializam os arrependimentos...) dizer «que não sabiam». Felizmente, embora de maneira mais singela, é isso que exprime a revolta dos moradores do Alboi que colaram cartazes nas janelas das suas casas liliputianas mas singelamente atraentes a dizer, embora por outras palavras, que se recusam a ser triturados pela pretensa «modernidade», mesmo «sustentável».

Quem estiver ainda a tempo e puder impedir um disparate desses, que não fique de braços cruzados'.

 

José Carlos Marques

licenciado em filosofia, ex-professor, escritor,

ex-tradutor numa instituição internacional europeia

 

 


tags: ,

publicado por amigosdavenida às 09:00 | link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 24 de Janeiro de 2011
AM DOS JOVENS REALÇA PREOCUPAÇÕES SOCIAIS E TESTA TRANSMISSÕES NA NET
http://www.terranova.pt/index.php?idNoticia=7513


publicado por amigosdavenida às 17:46 | link do post | comentar | favorito

Sábado, 22 de Janeiro de 2011

 

by Tiago Pereira

 

 



publicado por amigosdavenida às 18:15 | link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 21 de Janeiro de 2011
mapa blogues cidades.JPG


Aproveitando o facto de 2011 ser o 'ano Europeu do Voluntariado para promover mais cidadania activa' (http://europa.eu/volunteering/) o movimento 'Cidades pela Retoma' (http://www.facebook.com/CidadespelaRetoma) entendeu lançar o desafio de criar uma lista nacional de 'blogues [ou sites] de ruas, bairros, vilas ou cidades'.
Esta lista não pretende ser mais do que uma sistematização dos vários espaços virtuais (blogues ou sites) promovidos por cidadãos e grupos de cidadãos que gostam de pensar de forma colectiva sobre o futuro das suas cidades.

A lista provisória pode ser consultada:

http://noeconomicrecoverywithoutcities.blogs.sapo.pt/30748.html (lista por cidades)

http://noeconomicrecoverywithoutcities.blogs.sapo.pt/31893.html (googlemaps)

Os contributos e sugestões de blogues/sites podem ser enviados para cidadespelaretoma@gmail.com.

Agradecemos a colaboração na divulgação desta iniciativa



'Cidades pela Retoma'

site/blogue http://noeconomicrecoverywithoutcities.blogs.sapo.pt/

facebook http://www.facebook.com/CidadespelaRetoma

mailing-list http://groups.google.pt/group/cidadespelaretoma


publicado por amigosdavenida às 00:34 | link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 20 de Janeiro de 2011
image003.jpg



publicado por amigosdavenida às 14:13 | link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 19 de Janeiro de 2011
image003.jpg



publicado por amigosdavenida às 19:53 | link do post | comentar | favorito

'A Câmara Municipal de Aveiro lançou o Concurso de Ideias “Revestimentos Cerâmicos” com o qual se pretende promover o aparecimento de propostas criativas que possam ser reproduzidas em revestimentos cerâmicos a aplicar em vários locais públicos da cidade contribuindo assim para a sua regeneração e embelezamento. Ambiciona-se, igualmente, marcar na cidade um percurso com referências históricas territoriais, assinalando antigos edifícios e ofícios.

Esta é uma nova oportunidade aos artistas e criadores contemporâneos. Saiba como participar e obtenha a ficha de inscrição aqui. As inscrições estão abertas até 31 de Março'.

Mais informação aqui

(foto Público)

>

Uma excelente iniciativa da CMA que liga a arte, a indústria e o espaço público.

JCM



publicado por JCM às 13:20 | link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Ajude-nos a desenhar o mapa nacional dos 'blogues de cidades'!

Cidades pela Retoma (http://www.facebook.com/CidadespelaRetoma)



publicado por amigosdavenida às 09:15 |
editado por JCM às 10:18link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 18 de Janeiro de 2011
p#3_vf.JPG


Aproveitando o facto de 2011 ser o 'ano Europeu do Voluntariado para promover mais cidadania activa' (http://europa.eu/volunteering/), o 'Cidades pela Retoma' (http://www.facebook.com/CidadespelaRetoma) entendeu lançar o desafio de criar uma lista nacional de 'blogues [ou sites] de ruas, bairros, vilas ou cidades'.

Esta lista não pretende ser mais do que uma sistematização dos vários espaços virtuais (blogues ou sites) promovidos por cidadãos e grupos de cidadãos que gostam de pensar de forma colectiva sobre o futuro das suas cidades.

A lista provisória pode ser consultada aqui: http://noeconomicrecoverywithoutcities.blogs.sapo.pt/30748.html. Os contributos e sugestões de blogues/sites podem ser enviados para cidadespelaretoma@gmail.com.

Agradecemos a colaboração.

'Cidades pela Retoma'

site/blogue http://noeconomicrecoverywithoutcities.blogs.sapo.pt/

facebook http://www.facebook.com/CidadespelaRetoma

mailing-list http://groups.google.pt/group/cidadespelaretoma


publicado por amigosdavenida às 19:06 | link do post | comentar | favorito

169007_134459826617526_133079206755588_218705_4130087_n.jpg


?'Tampinha só com garrafinha', JUNTE-SE A ESTA CAMPANHA!!
Ajude-nos a juntar 1 tonelada de garrafas de plástico!
Por cada tonelada a ERSUC compromete-se a entregar 200 euros em ajudas técnicas à APPACDM de Aveiro.
Podem deixar o material recolhido na sede da APPACDM (Rua Agostinho da Silva, Montes de Azurva 3800-732 Aveiro; Telefone: 234920110)
http://www.facebook.com/pages/Appacdm-Aveiro/133079206755588


publicado por amigosdavenida às 17:49 | link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 17 de Janeiro de 2011
174637_134902696572111_5945781_n.jpg


Repensar o futuro da BUGA
http://www.facebook.com/pages/Repensar-o-futuro-da-BUGA/134902696572111


publicado por amigosdavenida às 22:25 | link do post | comentar | favorito

http://jn.sapo.pt/paginainicial/pais/concelho.aspx?Distrito=Aveiro&Concelho=Aveiro&Option=Interior&content_id=1758832&page=-1


publicado por amigosdavenida às 21:50 | link do post | comentar | favorito

169007_134459826617526_133079206755588_218705_4130087_n.jpg


Mais informações:
http://www.facebook.com/pages/Appacdm-Aveiro/133079206755588
http://www.ersuc.pt/web/index.php?option=com_content&view=article&id=114:ersuc-lanca-nova-campanha-de-solidariedade-social-tampinha-so-com-garrafinha


publicado por amigosdavenida às 19:07 | link do post | comentar | favorito

circulo.gif


Uma ideia para os Amigos
http://festivaldosabrazos.org/


publicado por amigosdavenida às 18:56 | link do post | comentar | favorito

mercado_faixa1-1024x528.jpg


http://mercadoentreluscoefusco.blogaliza.org/
Mercado de produtos ecológicos e locais nas terrazas do Parque de Belvís (Santiago Compostela), todas as terças/martes de 18 a 21h.


publicado por amigosdavenida às 18:54 | link do post | comentar | favorito

rua das ideias.JPG


Iniciativa cívica e um espaço de partilha e reflexão sobre o futuro das cidades.
Participe e divulgue! (http://www.facebook.com/CidadespelaRetoma)


publicado por amigosdavenida às 18:53 | link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 14 de Janeiro de 2011
Conclusões de reunião realizada no CETA (7MAIO09) com agentes culturais



Sobre a Plataforma (http://plataformaculturaveiro.blogs.sapo.pt/)

§ Necessidade de criar uma plataforma institucional de articulação e coordenação da actividade dos vários agentes artísticos, culturais e criativos da cidade, percebendo a diferente natureza dos agentes em presença (âmbito de actuação, tipologia, objectivos, natureza amadora/profissional, .);

§ Que esta plataforma tem de ter uma gestão profissional e a tempo inteiro, disponibilizando serviços de apoio às várias organizações participantes - por exemplo: programação cultural em rede; gestão partilhada dos espaços e equipamentos culturais [da cidade/município e da região] ; estímulo de desenvolvimento de acções conjuntas; apoio e estímulo à participação em redes nacionais e internacionais; pesquisa de programas de financiamento; aprendizagem com experiências internacionais; apoio na realização de candidaturas; agenda cultural conjunta (através de meios electrónicos);

§ Que a liderança do seu desenvolvimento deve caber à autarquia mas que os agentes artísticos, culturais, criativos e comunidade têm de ter um papel activo no seu desenvolvimento;

§ Que o seu não desenvolvimento compromete o aproveitamento de oportunidades de financiamento comunitário e nacional, e a sua representação institucional - em particular junto de entidades potencialmente financiadoras da actividade - por exemplo Agência para o Desenvolvimento das Indústrias Criativas (ADDICT) http://www.addict.pt/;

§ Que outras regiões estão a dar passos neste sentido (ver exemplos em Lisboa - http://www.lisboatranscultural.com/, Óbidos/Guimarães/Portalegre/Montemor-o-Novo e Montemor-o-Velho - candidatura Rede de Cidades Criativas);

§ Necessidade de aprender com outras experiências nacionais de programação em rede (por exemplo: Arte em rede (Oeste) http://www.artemrede.pt/; Quadrilátero (Vale do Ave) http://www.quadrilatero.org/ );


publicado por amigosdavenida às 17:46 | link do post | comentar | favorito

rua das ideias.JPG

Projecto colaborativo 'Rua das Ideias' [http://issuu.com/citiescivicinitiative/docs/rua_das_ideias] - movimento informal 'Cidades pela Retoma' [http://noeconomicrecoverywithoutcities.blogs.sapo.pt/]



publicado por amigosdavenida às 12:35 |
editado por JCM às 12:37link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 13 de Janeiro de 2011
CONCURSO DE IDEIAS "REVESTIMENTOS CERÂMICOS EM ESPAÇOS PÚBLICOS"
A Câmara Municipal de Aveiro está a preparar o Concurso de Ideias "Revestimentos Cerâmicos" com o qual se pretende promover o aparecimento de propostas criativas que possam ser reproduzidas em revestimentos cerâmicos a aplicar em vários locais públicos da cidade contribuindo assim para a sua regeneração e embelezamento. Ambiciona-se, igualmente, marcar na cidade um percurso com referências históricas territoriais, assinalando antigos edifícios e ofícios.

Mais informação:
http://www.cm-aveiro.pt/www/Templates/GenericDetails.aspx?id_object=34445
Documento de orientação:
http://www.cm-aveiro.pt/www/cache/imagens/XPQ5FaAXX25649aGdb9zMjjeZKU.pdf


publicado por amigosdavenida às 19:06 | link do post | comentar | favorito

Iniciativa cívica e um espaço de partilha e reflexão sobre o futuro das cidades. Participe e divulgue!
http://www.facebook.com/CidadespelaRetoma


publicado por amigosdavenida às 13:40 | link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 12 de Janeiro de 2011
CONVIDAMOS V.ª EX.ª E FAMILÍA PARA O CONCERTO DE REIS A TER LUGAR NO MUSEU DE AVEIRO NO PRÓXIMO DIA 16, PELAS 16H
INTEGRADO NO CICLO "OUTRAS MÚSICAS NO MUSEU DE AVEIRO" ACTUARÁ O CORO DE CÂMARA DA BAIRRADA (CCB) SOB A DIRECÇÃO DE TIAGO MATIAS


O Coro de Câmara da Bairrada formou-se em 2005 e desde então já se apresentou a capella ou com orquestra, nomeadamente com a Filarmonia das Beiras, por diversas vezes em vários locais do país. Em 2011, para além da gravação de um cd de música exclusivamente portuguesa, o CCB irá apresentar-se em concerto em Espanha e França. Está sedeado na Escola de Artes da Bairrada, no Troviscal (Oliveira do Bairro)


publicado por amigosdavenida às 23:08 | link do post | comentar | favorito

Respigos da reflexão feita sobre o futuro do Teatro Aveirense no Facebook

http://www.facebook.com/FuturoTeatroAveirense

 

 

Sobre futuro (do Teatro, da Cultura, da cidade)

' Eu acredito que se todos contribuirmos conseguiremos, mas por favor não podemos andar eternamente a dizer que não há nada em Aveiro e no entanto quando as coisas acontecem somos os primeiros a não comparecer... Falo na primeira pessoa do plural porque não me dirijo a ninguém particularmente, antes a um estado psicológico em que a maioria dos Aveirenses se encontra' [José Gonçalves]

(…)

‘'SEPARAÇÃO de responsabilidades, RESPONSABILIZAÇÃO e TRANSPARÊNCIA sobre as decisões tomadas'.  'SEPARAÇÃO entre CMA, ADMINISTRAÇÃO do TA e DIRECÇÂO do TA. As PESSOAS TÊM de ser diferentes. Só assim podem ser atribuídas responsabilidades e as mesmas serem assumidas. Não pode haver o EU responsabilizador e o EU responsável.  Não podem haver INTERFERENCIAS de pessoas de um destes órgãos na actividade dos outros’ [Pedro Coutinho]

‘RESPONSABILIZAÇÂO: De acordo com as responsabilidades atribuídas e clarificadas,  deve ficar definido À PARTIDA quais os parâmetros a avaliar e as METAS a alcançar. Isto reciprocamente entre as partes. E os direitos que cada parte passa a poder exercer sobre a outra em caso de incumprimento das METAS’ [Pedro Coutinho]

‘TRANSPARENCIA: As entidades envolvidas, as responsabilidades, as metas, as avaliações efectuadas, as pessoas, DEVEM ser PÚBLICAS e em permanência ATUALIZADAS. Depois de as responsabilidades atribuídas e acordadas, não têm (eu diria, nem devem) ser discutidas na praça pública as estratégias e as acções de desenvolvimento do negócio por parte das Administração e Direcção. As da CMA, pela natureza deste órgão, deverão estar em permanente escrutínio nos órgãos próprios da Democracia’ [Pedro Coutinho]

(…)

Julgo que seria interessante conhecer os documentos de orientação programática produzidos pelas últimas Direcções Artísticas do TA para podermos conhecer, analisar e perceber melhor as ideias, os conceitos e os projectos (será possível?). O que torna estas discussões difíceis ou complexas (e se calhar desmotivadoras) é a ausência de informação. Se queremos realmente envolver os cidadãos nestas reflexões é fundamental começar por mudar isso! [José Mota]

 

Dimensões do problema actual (do TA, da Cultura, da cidade)

' cenário de dificuldades é geral, mas em Aveiro não é de "apertar o cinto" que eu me queixo, mas sim do total desnorte e falta de rumo. Os outros equipamentos sempre vão fazendo algumas coisas e, mais importante que tudo, vão honrando os seus compromissos. Podem fazer pouco, muito menos que o que fizeram há alguns anos, mas o que fazem, fazem bem. É assim em Bragança, Vila Real, Famalicão, Guimarães, Estarreja, Ílhavo, Guarda, Torres Novas, Sines, etc embora o panorama seja de enorme penúria e desilusão em todo o lado' [Vasco Sacramento]

'É óbvio que se existisse uma qualquer estratégia o TA teria de ser a alavanca para a concretização da mesma, mas o abandono e o desprezo a que o TA tem estado sujeito, a constante desconsideração dos profissionais competentes que lá trabalham, a evidente erosão de um equipamento carente de manutenção, demonstram a ausência de qq política cultural. O TA é, hoje em dia, infelizmente, motivo de chacota "inter pares" pela constante instabilidade, pela incapacidade de cumprir os seus compromissos. É uma instituição pouco respeitável e que muito pouco se dá ao respeito (...) a verdade é que ninguém se interessa por isto e ninguém deverá estar muito interessado em discutir a questão. A cultura não dá votos (com excepção dos demagógicos e cobardes apoios às associações que, esses sim, garantem votos e consomem a maioria dos orçamentos das autarquias deste país) e a população está desligada do TA' [Vasco Sacramento]

a primeira questão que muita gente em Aveiro não entende é a diferença entre Teatro/Centro Cultural e Sala de Espectáculos. Um Teatro é suposto oferecer uma programação coerente e de elevada qualidade ao passo que uma Sala de Espectáculos normalmente funciona como um espaço de aluguer apenas, sem qualquer critério artístico. É o caso, por exemplo, dos Coliseus, do Teatro Tivoli ou da Aula Magna para referir exemplos conhecidos de todos. Nenhum Teatro do mundo pode viver sem um programador. Isso não existe. Mesmo salas de muito menor dimensão e ambição precisam de alguém que escolha a programação e que defina o rumo a seguir. A CMA não pretende nada do TA. O drama é exactamente esse. Em 5 anos não se conhece uma estratégia cultural, um plano a seguir, um projecto levado a cabo. [Vasco Sacramento]

(…)

'Convém dizer que o drama que afecta o Teatro Aveirense afecta uma grande parte dos equipamentos culturais construídos ou reabilitados após as iniciativas dos anos Carrilho. A construção e inauguração destes equipamentos é muito bem vista pelos poderes locais, que vêm oportunidades de cortar fitas e ficam com salões de visitas cheios de "pinta", mas poucas são as autarquias que compreendem a natureza estratégica destes equipamentos e que estão disponíveis para fazer o trabalho de manter e programar estes espaços. Quem anda na "estrada" a montar espectáculos conhece bem este panorama. E é desolador' [João Martins]

'Enquanto não existir uma vontade consequente e pública por parte da autarquia, por mais danças de cadeiras que se façam, não existirá nenhum tipo de compromisso de médio ou longo prazo para com a estrutura, ou seja, não pode existir um projecto. E isso é verdade desde a reabertura do TA, na minha opinião'. [João Martins]

'Para lá da programação em concreto, falta e sempre faltou um vínculo entre a cidade e o Teatro que depende de compromissos públicos, negociados, informados e visíveis entre a cidade e o Teatro. É um trabalho que nos cabe a todos e sem o qual, independentemente da (pontual) maior ou menor qualidade e/ou coerência de programação, a cidade não sentirá nunca falta do Teatro e, por isso, ele nunca será capaz de cumprir o seu papel. Um problema político, no sentido mais nobre e completo do termo'. [João Martins]

'A inexistência de director artístico, nesta altura, reflecte de forma mais verdadeira a realidade do equipamento. É até preferível não existir director artístico enquanto não existir um projecto ou desígnio para o equipamento'. [João Martins]

'há estudos recentes que fazem mesmo isso e que apontavam, num passado muito muito recente, para um consenso sobre o elevadíssimo retorno do investimento em cultura. Daí nasce a propaganda das "indústrias criativas", daí nasce uma retórica de arrependimento pelas oportunidades perdidas e de promessas de um novo olhar para o sector. Mas quando a corda começa a apertar, talvez por bloquear o saudável fluxo de oxigénio para o sangue, muitos decisores públicos (e privados) esquecem todas as boas intenções e toda a racionalidade e cortam cegamente em qualquer investimento cujo retorno seja de médio ou longo prazo e cuja medição envolva um esforço um bocadinho maior do que contas de somar e subtrair no seu estreito livro de balanços' [João Martins]

(…)

'O TA quando abriu tinha uma estratégia, que necessitava de tempo e investimento, assente naquilo que se acreditavam ser as redes, formais e informais, de programadores e criadores, podendo, dessa forma, garantir que a Aveiro chegaria o que 'de melhor' se produzia/apresentava em Portugal e no exterior'. [Ágata Fino]

'há que distinguir entre programar e ocupar datas num calendário, depois de separadas as águas podemos, então, questionar (quem de direito) o que quer para o TA, um espaço de programação ou uma 'sala de espectáculos''[Ágata Fino]

(…)

'É pena que uma cidade como Aveiro que já teve dois teatros plenos de programação, não consiga hoje manter um único teatro com algum nível...temos mesmo que lamentar como a cultura é tratada'. [Maria de Lurdes Ventura]

(…)

'Os potenciais utilizadores têm naturais expectativas quanto à oferta cultural do Teatro Aveirense (TA), variáveis segundo os diferentes tipos de público. Mas, para despertar o interesse de assistências, é fundamental a definição de uma estratégia adequada, competência dos responsáveis autárquicos para a área da Cultura, concretamente no domínio do Teatro. Nesse sentido, parece inadiável a nomeação de um Director Artístico que promova uma programação do TA, adequada aos objectivos deste equipamento municipal, visando a promoção cultural em Aveiro' [Manuel Janicas]

(…)

'A programação cultural, principalmente quando se trata de programação de qualidade, é suposto dar prejuízo na maior parte dos casos. Por isso é que há apoios do Ministério da Cultura e dos seus Institutos, para fazer a diferença entre os custos dessa programação e a bilheteira. Eu também gostava muito que as bilheteiras do TA e de todas as outras instituições que executam uma programação de qualidade, conseguissem ser suficientes para os custos, mas não são. Nem Instituições a nível nacional conseguem tal proeza, mesmo conseguindo chegar a um público nacional, quanto mais um teatro distrital'. [José Fernandes]

(…)

'O desafio é complicado. Passará certamente por outro caminho que não o que eu idealizo, mas temos que começar a integrar soluções. A ocupação da mais emblemática sala de espectáculos tem que resolver mais do que apenas a oferta cultural' [João Casanova]

'Há uma escola ao lado do teatro aveirense, com cada vez menos alunos. Porque não tentar ‘colocar ali’ o Conservatório ou o DECA (componente música) ali?, com as devidas adaptações como é óbvio. Porque não ceder mais umas salas para uns grupos de teatro amador daqui de Aveiro?'

(...)

Vamos falar do que se queira, de qual o peso do orçamento cultural, da sua proveniência, da forma de actuação e de prioridades... parece é que ninguém está interessado nisso [João Oliveira]

(…)

'O problema não me parece ser financeiro mas estratégico. A cultura pode ser um sector relevante na projecção da imagem da cidade no contexto nacional com repercussões na sua vida social e económica (ver caso de Guimarães e da sua aposta continuada e coerente na cultura (e no seu CC Vila Flor) - em 2012 vai ser Capital Europeia da Cultura). Portanto antes de discutir dinheiros eu gostaria de discutir opções de desenvolvimento da cidade' [José Mota].

(...)

[Sobre o valor da cultura] alguns exemplos do para a reflexão: O SECTOR CULTURAL E CRIATIVO EM PORTUGAL (http://www.portaldacultura.gov.pt/SiteCollectionDocuments/Imprensa/SCC.pdf)
Measuring the value of culture - Dez 210 (http://www.culture.gov.uk/images/publications/measuring-the-value-culture-report.pdf). Muito sucintamente, o primeiro diz que o sector cultural e criativo em Portugal já vale mais do que a industria têxtil (seria interessante avaliar o que vale (e o potencial) o SCC na região de Aveiro). O segundo estudo diz 'cultural sector will need to use the tools and concepts of economics to fully state their benefits in the prevailing language of policy appraisal and evaluation'.

 



publicado por amigosdavenida às 09:15 | link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 11 de Janeiro de 2011
[envie o seu contributo para amigosdavenida@gmail.com]


Alguns sugestões recebidas;

aspectos positivos
(Bruno Almeida) Projectos MultiSendas realizado pela Cáritas Aveiro (http://www.caritas.pt/aveiro/noticia.asp?caritaid=4¬iciaid=3290) no Ano contra a pobreza e a exclusão social. Destina-se principalmente a crianças de etnia cigana com o objectivo de 'integrar social, escolar e afectivamente estas comunidades' mostrando que 'existem outros caminhos para além dos mundos da droga e violência'.
(JM) Florinhas do Vouga - "Troféu Português do Voluntariado 2010"(http://www.diarioaveiro.pt/main.php?mode=public&template=frontoffice&srvacr=pages_13&id_page=9186)
(MS) Actividade cívica e trabalho de intervenção na nossa cidade.
(Manuel Dinis) Subida do Beira-mar à 1.ª Divisão

aspectos negativos
(PB) colocação de pins sinalizadores rodoviários em diversos buracos nas estradas existentes em Aveiro (próximo Retail Park e em ruas próximadas da Câmara Municipal de Aveiro). sinalizam-se os problemas em vez de os arranjarem
(Manuel Dinis) Pouca atenção ao arranjo dos arruamentos do concelho (por ex. Santa Joana e Oliveirinha)
(Manuel Dinis) Despesas previstas em domínios não prioritários (RIO NOVO DO PRINCIPE)
(AS) Proposta para o Alboi


publicado por amigosdavenida às 22:23 | link do post | comentar | favorito

1.jpg


Terça, 25 Janeiro 2011
CONCERTO Joanna Newsom (US) + Alasdair Roberts (uk) – 1ª parte
http://www.teatroaveirense.pt
>
http://www.dragcity.com/artists/joanna-newsom
http://www.myspace.com/joannanewsomfansite


publicado por amigosdavenida às 20:55 | link do post | comentar | favorito

Podem encontrar no link que se segue o pdf "Vistas da exposição" referente à exposição temporária actualmente no Museu de Aveiro
http://www.culturgest.pt/exposicoes/04-linguagemeexp-aveiro.html
Museu de Aveiro


publicado por amigosdavenida às 18:55 | link do post | comentar | favorito

LOGOcidades_retoma_2.jpg


O movimento cívico 'Cidades pela Retoma' (http://www.facebook.com/CidadespelaRetoma e http://noeconomicrecoverywithoutcities.blogs.sapo.pt) tem vindo a procurar dinamizar a reflexão sobre como podem as cidades e as suas comunidades contribuir para a retoma económica.
Uma das últimas iniciativas deste movimento informal de cidadãos a nível nacional é o projecto 'RUA DAS IDEIAS' que pretende funcionar como um exercício colaborativo de identificação e geração de ideias ou projectos 'de baixo custo e alto valor acrescentado' que visem contribuir para a animação económica e social das nossas cidades.
A iniciativa está ainda no seu início mas foram já recolhidos cerca de uma dúzia de projectos que começam aos poucos a dar vida à nossa 'Rua das Ideias' (http://noeconomicrecoverywithoutcities.blogs.sapo.pt/28650.html).
Pretendemos envolver neste exercício colaborativo os profissionais e cidadãos interessados. Deste modo solicitamos uma ampla divugação do projecto e convidamo-los a enviar o vosso contributo para cidadespelaretoma@gmail.com. O contributo deve identificar a ideia (num só parágrafo) e, se for o caso, algum exemplo inspirador (com identificação de link da internet). As referências enviadas serão publicadas no blogue e página Facebook do projecto 'Cidades pela Retoma'.


'ideias para animar a vida económica e social das nossas cidades'
[divulgue a iniciativa na sua cidade]

movimento 'Cidades pela Retoma'
site/blogue http://noeconomicrecoverywithoutcities.blogs.sapo.pt/
mailing-list http://groups.google.pt/group/cidadespelaretoma
facebook http://www.facebook.com/CidadespelaRetoma
tlm. 963621239

se desejar receber informações sobre a iniciativa envie email para cidadespelaretoma@gmail.com


publicado por amigosdavenida às 17:47 | link do post | comentar | favorito

167687_485461301133_128117456133_6073803_2594081_n.jpg


Participa na 2ª sessão do Curso de Formação em Gestão de Campanhas, que decorre no próximo dia 22 de Janeiro, com a presença de André Rabanea e Paulo Fontes para nos falar sobre 'O impacto do marketing e da publicidade nas causas sociais'. Contacta-nos através de projectos@orbiscooperation.org!
http://www.orbiscooperation.org/orbis/
http://www.facebook.com/orbis.org.pt


publicado por amigosdavenida às 13:26 | link do post | comentar | favorito

'Aposta na cultura torna Guimarães num destino recomendado pelo New York Times'
(http://jornal.publico.pt/noticia/11-01-2011/aposta-na-cultura-torna-guimaraes-num-destino-recomendado-pelo-new-york-times-20990590.htm)


publicado por amigosdavenida às 09:10 | link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 10 de Janeiro de 2011
Que futuro para o Teatro Aveirense?
http://www.facebook.com/FuturoTeatroAveirense


publicado por amigosdavenida às 19:41 | link do post | comentar | favorito

'Portugal vai ter de pagar mais para garantir a alimentação' (Público Economia [*1]). Alexandre Soares dos Santos lamentava-se do mesmo este fim de semana no Plano Inclinado (SIC Notícias [*2]).
Lá por fora os caminhos têm sido outros. 'Local food' [*3] é um programa de 50 milhões de Libras para aplicar 'to a variety of food-related projects to help make locally grown food accessible and affordable to local communities'. 'Local food advisor' [*4] é uma rede que junta os produtores locais, bloggers ligados à alimentação, mercados e lojas de produtos agrícolas locais. 'Making local food work' [*5] ajuda as pessoas a adquirir produtos agrícolas de proximidade fornecendo
'advice and support to community food enterprises across England'.
Não valeria a pena olhar para este assunto com atenção? Não poderia ser esta uma oportunidade de intervir na tão referenciada 'nova relação cidade-campo' (FERRÂO 2000, ESDP 1999 [*6])? Ou vamos ficar (uma vez mais) pelo diagnóstico (angustiado) da situação?
O debate segue no 'Cidades pela Retoma' (http://www.facebook.com/CidadespelaRetoma e http://noeconomicrecoverywithoutcities.blogs.sapo.pt/).
José Carlos Mota

*1 http://economia.publico.pt/Noticia/portugal-vai-ter-de-pagar-mais-para-garantir-a-alimentacao_1474388
*2 http://sic.sapo.pt/online/noticias/programas/plano-inclinado/
*3 http://www.localfoodgrants.org/
*4 http://www.localfoodadvisor.com/
* 5 http://www.makinglocalfoodwork.co.uk/
*6 http://www.scielo.oces.mctes.pt/pdf/spp/n33/n33a02.pdf


publicado por amigosdavenida às 11:04 | link do post | comentar | favorito

aveirilhavo.JPG


Aveiro no Urban Atlas
http://www.eea.europa.eu/data-and-maps/data/urban-atlas/


publicado por amigosdavenida às 00:47 | link do post | comentar | favorito

Sábado, 8 de Janeiro de 2011
?Vale a pena ler a excelente entrevista de Pedro Magalhães ao Público (*) onde (entre outras coisas) refere a perplexidade que sente face 'ao desinteresse das elites políticas (e do Estado [central e local]) em relação à informação sobre o país (dados económicos, sociais) e à forma como se constroem propostas sem fundamentação rigorosa (factos, dados, indicações mensuráveis, medição do impacte).

http://jornal.publico.pt/noticia/08-01-2011/o-que-nos-falta-experimentar-politicos-e-eleitores-exigentes-20966176.htm


publicado por amigosdavenida às 15:34 | link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 7 de Janeiro de 2011
Perspectivar o futuro.jpg



publicado por amigosdavenida às 22:43 | link do post | comentar | favorito

Seria interessante conhecer os documentos de orientação programática produzidos pelas últimas Direcções Artísticas do TA para podermos conhecer, analisar e perceber melhor as ideias, os conceitos e os projectos (será possível?). O que torna as discussões sobre o futuro difíceis ou complexas (e se calhar desmotivadoras) é a ausência de informação. Se queremos realmente envolver os cidadãos nestas reflexões é fundamental começar por mudar isso!
O debate continua em http://www.facebook.com/FuturoTeatroAveirense


publicado por amigosdavenida às 20:11 | link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

ta_pq.jpg


Sábado, 8 Janeiro

CONCERTO ANO NOVO

Pelo Conservatório de Música da JOBRA

http://www.teatroaveirense.pt


publicado por amigosdavenida às 20:06 | link do post | comentar | favorito

São Gonçalinho



publicado por amigosdavenida às 18:00 | link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Carrinhos de choque no Rossio?

Mesmo que seja por uma boa causa não deveríamos poupar o Rossio a tal penitência?

JCM


tags: ,

publicado por amigosdavenida às 13:55 | link do post | comentar | favorito

Edifício (antiga Pensão Barros) da Rua João de Moura (em frente Estação de CF de Aveiro).

Para além disso, como recorda hoje o DA, o edifício da 'antiga estação de Aveiro está a degradar-se'.

JCM



publicado por amigosdavenida às 13:50 | link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Quinta-feira, 6 de Janeiro de 2011
Câmara quer "acabar" ou "reduzir muito" estacionamento na Avenida
http://www.diarioaveiro.pt/main.php?srvacr=pages_13&mode=public&template=frontoffice&layout=layout&id_page=9330


publicado por amigosdavenida às 00:50 | link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Quarta-feira, 5 de Janeiro de 2011
1294058653c3vsc9bx0nn71ro5.jpg


O LUGAR DO BAIRRO . MESA REDONDA
19 Janeiro, 14h, CIUL - Centro de Informação Urbana de Lisboa, Picoas Plaza
Organizada pelo CEACT - Centro de Estudos de Arquitectura, Cidade e Território (UAL), com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa
Mais informação: http://arquitectos.pt/index.htm?no=2020492468,153


publicado por amigosdavenida às 22:59 | link do post | comentar | favorito

SOBRE CIDADES, CIDADANIA, O FUTURO E AVEIRO. UM BLOGUE EDITADO POR JOSÉ CARLOS MOTA
VISITAS
GRUPO FB 'PENSAR O FUTURO - AVEIRO 2020'
2013-01-04_2204.png
ADESÃO À MAILING-LIST 'PENSAR O FUTURO DE AVEIRO'

GRUPO 'PENSAR O FUTURO DE AVEIRO'
AUTOR
E-mail Gmail
Facebook1
Facebook2
Twitter
Linkedin
Google +
QUORA
JCM Works
Slideshare1
Slideshare2
Academia.Edu
FOLLOW
G. Analytics
links
Maio 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


mais sobre mim
MAPA
Facebook
Partilhar
arquivos

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008