Sexta-feira, 30.08.13

Notável o trabalho que o Pedro Neves faz em prol da divulgação do desporto regional. O site http://www.desportoaveiro.pt tem agora uma ferramenta que permite que se transforme em 14 sites cada um para uma modalidade diferente. Parabéns, Pedro!



publicado por JCM às 10:45 | link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 16.11.11
Caros Amigos,
Acabei de ler e assinar esta petição online:
« a favor do restabelecimento das taxas mínima de IVA para a Cultura e o Desporto»
http://www.peticaopublica.com/?pi=IVA
Pessoalmente concordo com esta petição e acho que também vais concordar.
Subscreve a petição aqui http://www.peticaopublica.com/?pi=IVA e divulga-a pelos teus contactos.
Obrigado.
JCM


publicado por amigosdavenida às 21:08 | link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 10.11.11
texto de Ilídio Carreira
'Enquanto o IVA do vinho se mantém nos 13%, aumentam-se para 23% os bens essenciais ao cidadão como a água, a prática do desporto e alguns bens alimentares confeccionados. Mantém-se o IVA do vinho: uma droga que dizem ser um sector fundamental para a economia do País e que, como tal, não pode ser afectada.
Pergunto: será que se esqueceram de todos os outros sectores que estão a ser afectados por esta crise? Porque é que o vinho necessita de protecção pelo Estado (e que tal adequarem-se à concorrência?) e os Teatros, os Cinemas e os restantes sectores culturais não o são? Pelo contrário; aumenta-se-lhe o IVA nos ingressos para eles morrerem de vez.
Alguém que me explique que contas são essas que não contabilizam os efeitos danosos na saúde e na sociedade pelo vinho e os benefícios nas mesmas áreas que a prática do desporto nos traz? 
Álcool sim. Cultura e Desporto não. É a mensagem passada pelos nossos governantes.
Estamos na Twilight Zone?'
http://paninhosfrios.wordpress.com/2011/09/28/o-iva-aplicado-ao-desporto-e-ao-vinho-e-a-bebedeira-do-%E2%80%98bicho%E2%80%99-que-o-decretou/.
Ilídio Carreira está desde hoje acampado nas Piscinas do Sporting de Aveiro em protesto contra esta decisão governamental de manter o IVA do vinho e de alterar o IVA para a cultura e desporto.
Passe por lá para o cumprimentar e mostrar a solidariedade com o seu protesto!
Amigosd'Avenida


publicado por JCM às 17:32 | link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Quarta-feira, 21.10.09

As questões levantadas oportunamente por Jorge Greno (e lançadas às várias candidaturas autárquicas) ganham hoje uma pertinência acrescida.

São óptimas questões que merecem (agora) uma adequada reflexão.

JCM

...

Questões 

1. Aveiro dispõe de um estádio municipal para a prática de futebol. Aveiro tem uma equipa de futebol profissional, o Beira-Mar. De que forma deve ser gerido este património municipal, de modo a que sirva os fins para que foi construído? 
2. Em Aveiro, a maioria das instalações desportivas são pertença dos clubes. Outras estão integradas em escolas. Muito poucas pertencem à CM ou a JF.
De que forma deverá a CM intervir de modo a:
• rentabilizar a ocupação desses espaços, proporcionando a prática desportiva aos munícipes, quer estejam ou não integrados em clubes ou associações;
• que Aveiro seja reconhecida como um exemplo na qualidade e diversidade das suas instalações desportivas;
• completar ou ajudar a completar o parque desportivo instalado no concelho para que seja possível a prática do maior número possível de modalidades desportivas e que os clubes não sejam obrigado a sair do concelho para poder manter a sua actividade.


Apoio a clubes (desporto não profissional)
3. Sabendo-se que grande parte das despesas que os clubes têm de fazer para proporcionar à comunidade a possibilidade de praticar desporto são relacionadas com a utilização e manutenção de instalações e despesas de deslocação dos seus atletas, deve a CM apoiá-los neste aspecto? De que forma?
4. Os contratos-programa com os clubes devem levar em linha de conta apenas a quantidade de praticantes ou também o mérito traduzido através de resultados?

 

Eventos realizados no concelho
5. Aveiro tem sido palco, nos últimos anos, de alguns eventos desportivos de âmbito nacional e internacional (Euro e Euro Sub21 de futebol, Campeonatos Nacionais de andebol, basquetebol , triatlo e natação, Volta a Portugal em Bicicleta).
Tendo em conta os milhares de pessoas que visitam Aveiro por ocasião destas provas, deve o desporto e nomeadamente o desporto praticado em espaço público, ser considerado como prioritário na promoção turística do concelho?
Jorge Greno

 



publicado por amigosdavenida às 01:17 | link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Terça-feira, 06.10.09

Embora o MEP Aveiro tenha apenas candidatura à Assembleia Municipal, e não ao órgão executivo, julgo dever dar um contributo:

1. Mais do que para os fins para os quais foi criado, deveria servir outros fins, por forma a tornar-se rentável. O mal foi pensá-lo apenas para o futebol profissional. Devia ser possível encontrar múltiplas valências para aquele espaço, que o tornasse atractivo e também ponto de passagem para além da prática desportiva e assistência a jogos de futebol. Esta estratégia teria de ser concertada com várias instituições, desportivas e outras, procurando dinamizá-lo. Só o "campo de futebol" não gerará interesse suficiente. Mas acoplando outras valências e iniciativas, nomeadamente culturais, já poderá eventualmente tornar-se rentável, e servir também melhor o futebol, desde que o Beira-Mar também faça alguma coisa para atrair pessoas.
2. A primeira coisa a fazer é identificar, com rigor, as valências existentes, as vontades em participar numa gestão colaborativa global das disponibilidades, assim como identificar as necessidades de requalificação e as zonas de carência, quer em termos das diversas modalidades, quer em termos geográficos. Procurar igualmente uma gestão multi e inter municipal, partilhando, na medida do possível, recursos de proximidade. Depois é fazer disso uma promoção nacional e internacional. As instituições aderentes poderiam ter apoios feitos através de créditos pelas horas de utilização, nº de praticantes, etc. o modelo deveria ser desenvolvido por todos os parceiros desta estratégia e desenvolvimento do desporto em Aveiro.
Os munícipes que não estejam integrados em clubes ou associações poderiam ter um cartão de munícipe que lhes desse acesso às infraestruturas, responsabilizando-os pelo uso. E devia ter um custo, ainda que controlado. Isto deveria ser bem publicitado. As escolas deviam posicionar-se, como algumas já fazem, para ganhar dinheiro com esta medida.
3. Sim, a Câmara deve apoiar os clubes na sua importante função social, pelo que devem ser definidos critérios de equidade no tratamento das instituições, que tenham em conta sobretudo o n.º de participantes. O desporto de competição, para menos pessoas, deve ter outro tratamento, mais tendente a apoiar objectivos específicos, contratualizados (por exemplo: conquistar tantas medalhas no remo, tantos recordes regionais, tantos nacionais, etc.). Se os objectivos falharem, deve repensar-se o apoio. Em todos os casos, mesmo no "desporto para todos" deve ser feita uma avaliação periódica e ajustados os apoios e corrigidas as falhas.
4. Respondido nas anteriores.
5. Sim, claramente. O desporto é fonte de riqueza, além de bem-estar. provas que tragam muitos visitantes devem ser enquadradas numa estratégia de promoção de Aveiro no país e no mundo. deve fazer-se um levantamento de provas a organizar ou co-organizar, ou simplesmente apoiar, fazendo uma selecção, em vez de ir a todas. Deve apostar-se naquelas em que temos condições para nos especializarmos e termos uma marca distintiva, como sejam os desportos náuticos, o atletismo (pista na UA), mas também a promoção das caminhadas com guia para observação do magnífico ecossistema da ria, o cicloturismo, o desporto dito de aventura. A definição de percursos, como por exemplo, a rota dos azulejos, a rota dos museus ou património edificado, a rota das aves, a rota do salgado, a rota dos sapais, ou outros, mesmo mistos, sem esquecer o gastronómico, ajudaria a promover a região para turistas mais activos.

 

Ângelo Ferreira

http://mepaveiro.blogspot.com/



publicado por JCM às 18:34 |
editado por amigosdavenida em 07/10/2009 às 16:21link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 03.08.09

Vale a pena ler com atenção o texto de Jorge Greno sobre as piscinas do Beira-Mar.

É de facto preocupante que a cidade de Aveiro corra o risco de perder um equipamento desportivo com as valências que este tem e com a localização privilegiada que dispõe.

Será que a comunidade aveirense não se pode organizar para encontrar uma solução para o problema? Será a venda do terreno a única solução (DA 1Ago)?

Vamos perder um equipamento desportivo no centro da cidade a troco de um equipamento de serviços? 

O que têm a dizer sobre isto os cidadãos? E os responsáveis?

JCM

 



publicado por amigosdavenida às 00:05 | link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 20.05.09

"As ações desenvolvidas no Projecto produzem um impacto sobre a formação de sujeitos que, com o passar do tempo, foram habitando as praças públicas, as ruas e as escolas nos finais de semana, ressignificando estes lugares. Da mesma forma, os moradores foram propondo ações ao Programa, cujos gestores e educadores demonstraram sensibilidade para acolher as demandas da população local. O esporte, o lazer, a arte foram se constituindo em instrumentos e práticas pedagógicas diferenciadas onde aprendizagens, sociabilidades, convivência, partilha e cooperação, tomam o lugar da socialização instrumental, da competição e das diferenças. Estas, por óbvio, permanecem existindo, mas quando os moradores da cidade partilham experiências comuns elas perdem seus duros contornos para dar lugar ao espírito de pertencimento".

Mais informação: 

http://www.efdeportes.com/efd130/programa-esporte-e-lazer-da-cidade-impacto-comunitario.htm

http://www.circuitomt.com.br/home/materia/21343 

>

>

Tendo em conta a forte tradição desportiva de Aveiro, e olhando para estas experiências internacionais, seria interessante equacionar o desenvolvimento de um programa que valorizasse e equipasse o espaço público e os espaços verdes da cidade para a promoção de actividades de lazer e desporto informal, articulando as actividades das escolas, associações e clubes desportivos. 

JCM



publicado por amigosdavenida às 23:14 | link do post | comentar | favorito


SOBRE CIDADES, CIDADANIA, O FUTURO E AVEIRO. UM BLOGUE EDITADO POR JOSÉ CARLOS MOTA
VISITAS
GRUPO FB 'PENSAR O FUTURO - AVEIRO 2020'
2013-01-04_2204.png
ADESÃO À MAILING-LIST 'PENSAR O FUTURO DE AVEIRO'

GRUPO 'PENSAR O FUTURO DE AVEIRO'
AUTOR
E-mail Gmail
Facebook1
Facebook2
Twitter
Linkedin
Google +
QUORA
JCM Works
Slideshare1
Slideshare2
Academia.Edu
FOLLOW
G. Analytics
links
Maio 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


mais sobre mim
MAPA
Facebook
Partilhar
arquivos

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008