Quarta-feira, 21 de Outubro de 2009


No rescaldo das últimas eleições autárquicas, Clara Ferreira Alves lançou um repto ao novo executivo lisboeta para que este não deixe de envolver a comunidade nas decisões sobre o futuro da cidade (DIGAM-NOS O QUE PODEMOS FAZER PELA NOSSA CIDADE! - Expresso, 17 Out).

Observando a polémica em torno do ‘Estádio de Aveiro’ não posso deixar de sentir a mesma necessidade, não só por razões individuais de preocupação cívica mas, sobretudo, pela oportunidade que esse envolvimento pode gerar.

Em primeiro lugar, por estarmos perante o ensejo de ultrapassar a tentação de centrarmos os esforços e energia na atribuição de culpas por decisões passadas, com três riscos inerentes: deixar arrastar  e agravar o problema; desmobilizar os potenciais ‘parceiros da solução’; passar para o exterior uma imagem de incapacidade colectiva perante uma dificuldade (ver ‘Estádio de Aveiro’ em http://news.google.pt/).

Em segundo lugar, por termos a ocasião de aprofundar a reflexão sobre a natureza e dimensões do problema em questão (que Carlos Naia, Alberto Roque e Jorge Greno começaram, desde já, a fazer). Os contributos que têm vindo a dar permitem perceber a necessidade de questionar e reequacionar: o modelo de ordenamento territorial da envolvente ao Estádio (equacionando outras funções âncora?); a política desportiva (construção da Academia e apoios à prática desportiva); a política de atracção de (grandes) eventos culturais (que tipo de eventos? logística?); por fim a política de mobilidade (que alternativas de transporte podem amenizar a localização periférica do parque).

Em terceiro lugar, podemos aproveitar o momento para aprendermos colectivamente a resolver problemas, começando por observar e analisar experiências nacionais e internacionais relevantes. Retive, numa breve pesquisa, dois exemplos que me pareceram particularmente interessantes e pertinentes: Conferencia 'Gestão de eventos: crise ou oportunidade?', Guimarães, 17NOV (http://www.tempolivre.pt) e a Conferência ‘SPORTS EVENT MANAGEMENT 2009’, Londres, 10NOV (http://www.sportseventmanagement.com/). Porque não começamos, desde já, a pensar organizar um evento em que possamos reflectir sobre o problema e ouvir boas práticas nacionais e internacionais, uma oportunidade para juntar as forças vivas da cidade e do concelho e eventuais parceiros da solução (agentes económicos, desportivos, culturais e afins)?

Estas observações colocam uma última questão que é a necessidade de criar uma nova cultura de política pública que mobilize a comunidade para aprender a pensar sobre os seus problemas, a identificar (com algum distanciamento emocional) as suas causas, a olhar para experiências inspiradoras, e, finalmente, a procurar encontrar um conjunto de soluções, mobilizando para a sua concretização o tecido empresarial e associativo, as instituições do conhecimento, a autarquia e a comunidade em geral! 

Aveiro está assim perante um problema que se pode transformar numa grande oportunidade!

José Carlos Mota



publicado por amigosdavenida às 13:15 | link do post | comentar | favorito

1 comentário:
De Ponte Praça a 21 de Outubro de 2009 às 21:55
Olá. Ainda estou no começo, mas julgo que o meu blog e este se combinam na perfeição. Pode não estar estruturalmente tão completo como o vosso, mas aponta claramente para situações que convergem em algo que nos preocupa no momento. Aveiro. Aveiro sem bairrismos, completamente apartidário.


Comentar post

SOBRE CIDADES, CIDADANIA, O FUTURO E AVEIRO. UM BLOGUE EDITADO POR JOSÉ CARLOS MOTA
GRUPO FB 'PENSAR O FUTURO - AVEIRO 2020'
2013-01-04_2204.png
ADESÃO À MAILING-LIST 'PENSAR O FUTURO DE AVEIRO'

GRUPO 'PENSAR O FUTURO DE AVEIRO'
AUTOR
E-mail Gmail
Facebook1
Facebook2
Twitter
Linkedin
Google +
QUORA
JCM Works
Slideshare1
Slideshare2
Academia.Edu
links
Maio 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


mais sobre mim
arquivos

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008