Terça-feira, 20 de Julho de 2010

http://www.soundspace.com.pt/

http://www.artshare.com.pt/

'A artshare é um projecto vocacionado para a investigação e aplicação de novas tecnologias enquanto ferramentas de expressão artística. O seu campo de acção passa também pela promoção e produção de eventos de arte performativa, instalações, workshops, conferências, acções de sensibilização e outras de interesse pedagógico'.

>

Aqui está um projecto que se enquadra de forma perfeita no espírito do 'Manifesto pela qualificação e animação do espaço público' que os Amigosd'Avenida produziram no ano passado.

Recordo que um dos seus princípios referia que se deveria 'aproveitar o espaço público como veículo de divulgação e promoção da actividade artística, cultural e de divulgação científica' e para 'divulgar a qualidade e diversidade de recursos artísticos, culturais e científicos da cidade, tirando partido das novas tecnologias' [Ponto 8].

Num momento em que a autarquia concluiu um concurso de ideias para a animação do espaço público, e que se desenvolvem um número relevante de iniciativas de animação (Parque da Sustentabilidade, Rossio, Praça do Peixe), julgo que seria oportuno que se iniciasse uma discussão sobre o que devem ser os princípios fundamentais de uma 'política de animação do espaço público'.

Essa definição é relevante por três razões. A primeira, é para evitar que se desenvolvam um conjunto de iniciativas desgarradas, excessivas, em alguns casos penalizadoras da qualidade dos espaços e das vivências da cidade, e cujos resultados ficam muito aquém das expectativas ou das necessidades. A segunda, é para tirar partido dos recursos únicos que a cidade soube criar, atrair ou fixar (e que a diversidade de agentes culturais e criativos que temos falado tão bem exemplifica). A última, é para que a cidade se afirme a nível nacional como um centro que sabe criar as condições para o surgimento de outros projectos nestes domínios (articulação entre tecnologia, arte e ciência).

Julgo que esta é uma questão relevante para o futuro da cidade e que brevemente deveria entrar na agenda de discussão das políticas para a cidade.

JCM



publicado por amigosdavenida às 23:10 | link do post | comentar | favorito

1 comentário:
De João Silva a 21 de Julho de 2010 às 09:52
Excelente projecto! É bom ver que em portugal e Aveiro se invista e trabalhe nesta área tão pouco explorada e com muito a dar.

Espero que surjam muitas iniciativas destas e que a ARTSHARE tenha muito sucesso.


Comentar post

SOBRE CIDADES, CIDADANIA, O FUTURO E AVEIRO. UM BLOGUE EDITADO POR JOSÉ CARLOS MOTA
GRUPO FB 'PENSAR O FUTURO - AVEIRO 2020'
2013-01-04_2204.png
ADESÃO À MAILING-LIST 'PENSAR O FUTURO DE AVEIRO'

GRUPO 'PENSAR O FUTURO DE AVEIRO'
AUTOR
E-mail Gmail
Facebook1
Facebook2
Twitter
Linkedin
Google +
QUORA
JCM Works
Slideshare1
Slideshare2
Academia.Edu
links
Maio 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


mais sobre mim
arquivos

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008